domingo, março 23, 2014

Não morramos ao acaso

Estou eu aqui tentando entender a maioria
que agindo erroneamente está, quem diria!
Aos inúmeros fatores devastadores e fúteis
prezando o que agrada somente os inúteis

Estou eu aqui tentando entender a sociedade
que se derrama em prazer diante da crueldade
Admirando a nação sofrida ao choro sangrento
e arrastando-a ao fundo todo este sofrimento

Estou eu aqui tentando entender esses fatores
que levaram a humanidade a esses horrores
e todos os corações inocentes infortunados

Estou eu aqui tentando entender esse descaso
aos valores e princípios que deixaram de lado
que com o tempo, nós ficamos acostumados

quinta-feira, março 20, 2014

União

Os olhares voltaram
às escolhas da sociedade,
que de muita crueldade
o ruim acumularam

Os valores adormecem
nos corações escondidos,
estão quase corrompidos
e muito nos entristecem

A união quer libertação
para então espalhar,
fazendo-nos sempre amar
e unindo nosso coração

Um pedaço de tudo faz
fazendo o selamento
com o bom sentimento
que só ela é capaz

União, uma prioridade
que todos devem abraçar,
fazendo a vida prosperar
com elos de generosidade

Seguidores Google +